Pesquise no blog

quinta-feira, 19 de novembro de 2015

URTICÁRIA NA INFÂNCIA

URTICÁRIA

CARACTERIZA-SE POR ERUPÇÕES 
ERITEMA-PAPULOSAS DE FORMA E
TAMANHOS VARIADOS, ACOMPANHADA
POR PRURIDO INTENSO, GERALMENTE DE
INÍCIO SÚBITO E REMISSÃO SEM
SEQUELAS. AS LESÕES RESULTAM
DA DILATAÇÃO DE VASOS SANGUÍNEOS,
CAUSANDO EDEMA NA DERME SUPERFICIAL
E/OU ANGIOEDEMA QUANDO COMPROMETE
A DERME PROFUNDA E TECIDO SUBCUTÂNEO.

CLASSIFICAÇÃO

AGUDA- REGRIDE EM MENOS DE SEIS
SEMANAS
ALIMENTOS- LEITE,OVOS,TRIGO, SOJA,
AMENDOIM, CRUSTÁCEOS
FÁRMACOS
INSETOS- ABELHAS, MOSQUITOS E FORMIGAS
IDIOPÁTICAS
ALERGIA DE CONTATO- LÁTEX, SALIVA DE ANIMAIS
REAÇÕES PSEUDO-ALÉRGICAS- MEIOS DE
CONTRASTE, FÁRMACOS E ALIMENTOS RICOS EM
AMINAS VASOATIVAS(MORANGOS,TOMATE,
ALGUNS QUEIJOS, VINHOS, CONSERVANTES)

URTICÁRIA CRÔNICA- QUANDO ULTRAPASSA
MAIS DE SEIS SEMANAS

IDIOPÁTICAS
AUTOIMUNES
FÍSICO:FRIO, CALOR ETC...
DOENÇAS SISTÊMICAS
REAÇÕES HIPERSENSIBILIDADE
SÍNDROMES RARAS

TRATAMENTO

USAR REPELENTES
CONTROLAR AGENTES FÍSICOS, MECÂNICOS
IDENTIFICAR E REMOVER A CAUSA
ORIENTAR SOBRE A DOENÇA
REDUZIR ESTRESSE E AQUECIMENTO DO CORPO
EVITAR O USO DE ANTIFLAMATÓRIOS
NÃO ESTEROIDES 


Nenhum comentário:

Postar um comentário