Pesquise no blog

quarta-feira, 15 de março de 2017

OSTOMIA

ostoma


A PARTE VISÍVEL DE UMA COLOSTOMIA
É CHAMADA DE ESTOMA. A LOCALIZAÇÃO
DO ESTOMA NO ABDÔMEN VARIA. 
DEPENDENDO DE ONDE NO COLO A
COLOSTOMIA É CRIADA .
PARA CRIAR O ESTOMA, O CIRURGIÃO
TRAZ O CÓLON PARA O EXTERIOR DO
ABDÔMEN. COMO RESULTADO A
PARTE VISÍVEL OU ESTOMA, NO
ABDÔMEN É O REVESTIMENTO
INTERNO DO CÓLON.

O ESTOMA É MACIO, ÚMIDO E
ROSADO- VERMELHO NA COR
SEMELHANTE AO TECIDO DENTRO
DA BOCA. O TAMANHO DE UM
ESTOMA VARIA DEPENDENDO
DO INDIVÍDUO E DA NATUREZA
DA CIRURGIA. O ESTOMA PODE
SANGRAR LIGEIRAMENTE QUANDO,
TOCADO, UMA VEZ QUE MUITOS
PEQUENOS VASOS SANGUÍNEOS 
ESTÃO MUITO PERTO DA
SUPERFÍCIE. NÃO FAZ MAL
QUANDO TOCADO OU QUANDO
FEZES E GÁS SÃO PASSADOS.
VOCÊ NÃO PODE CONTROLAR
O MOVIMENTO DE FEZES E
GÁS ATRAVÉS DO ESTOMA.
PORTANTO UM SISTEMA DE
BOLSA DEVE SER USADO EM
TODOS OS MOMENTOS.

ENTEROSTOMIA

É UM PROCEDIMENTO CIRÚRGICO
QUE ENVOLVE A CRIAÇÃO DE UMA
ABERTURA ARTIFICIAL NO EXTERIOR
DO CORPO, A FIM DE DESVIAR AS
ENTRANHAS. ESSAS ABERTURAS
CONHECIDAS COMO ESTOMAS,
SÃO USADAS PARA AJUDAR A
ELIMINAR AS FEZES DO CORPO.
ESTE PROCEDIMENTO GERALMENTE
É REALIZADO QUANDO UMA
DOENÇA DO INTESTINO TORNA
DIFÍCIL OU IMPOSSÍVEL PARA OS
RESÍDUOS DE EVACUAR NATURALMENTE.
ESTOMAS GERALMENTE ESTÃO 
LOCALIZADOS EM ALGUM LUGAR
DO ABDÔMEN, DEPENDENDO DO
TIPO DE DOENÇA OU PROCEDIMENTO.



COLOSTOMIA



ILEOSTOMIA


UROSTOMIA



FONTE: THE CANADIAN ASSOCIATION
FOR ENTEROSTOMAL THERAPY

Nenhum comentário:

Postar um comentário